♥ CITAÇÕES DO DIA ♥

segunda-feira, 14 de abril de 2008

Tina , sempre no coração...

Olá pessoal há um tempinho atrás soube de uma má notícia.
Tina (uma cachorrinha com quem eu convivia) Faleceu!

Nossa foi um baque, quando eu estava em Recife eu pedia para que eu não visse a partida dela e Deus me atendeu de certa forma.
Ela se foi pela idade, mas graças a Deus sem sofrimento.
Em sua homenagem... sempre estará em minhas boas lembranças!

Esse sentimento tão tipicamente português. Num livro de Filosofia li que, não existe nenhuma outra língua no mundo que expresse como a Portuguesa, o sentimento de saudade. Não significa que os outros não a sintam indiscutível. No entanto, é natural do povo português o sentimento de nostalgia, ausência e perpétua tristeza por alguém ou alguma coisa. A mim o que me causa uma terrível e profunda tristeza são as saudades dos meus animais, em especial daqueles que convivi por um determinado tempo.
Você brinca com eles, se diverti e se preocupa.
Imagino quando Tininha entrava no quarto subia na minha cama e "roubava" meus bichinhos de pelúcia kkkkk.
Quando eu chegava em casa com sacolas ela olhava para minha mão me seguia até o quarto esperava algo pra ela.
Nossa Tininha muita falta irá fazer.
Tina sei que não entendes, mas esta é a minha pequena homenagem a ti.
Estará presente no meu pensamento todos os dias de minha vida!

2 comentários:

Anônimo disse...

Poxa como valeu essa homenagem a minha Tina , que viveu ao meu lado 14 anos , e que você a conheceu tão de perto durante outros 3 anos.Adorei a foto , e lembro perfeitamente quando voce a tirou. É isso aí ...hoje só a saudade dos latidos e das brincadeiras dela . Valeuuuuuuuuuuuuuuuu. bjs, Rosa

Anônimo disse...

Oi Rob
Muito emocionante e lindo o seu artigo sobre a nossa Tininha. A falta que ela nos faz é imensa, todos os cantos do apto fala dela, de seus latidos, traquinhagens, alegria e amor dado a todas nóa nestes seus 14 aninhos de vida. A Tinha foi (e continua sendo) uma figura! A saudade de sua presença física é grande, mas temos certeza que nos reencontraremos nos caminhos de progresso de Deus, em algum lugar e de alguma forma. Agradecida pelo lindo artigo. Beijos, Bertha.

Olha a Hora!!!

relojes web gratis