♥ CITAÇÕES DO DIA ♥

domingo, 28 de outubro de 2007

Olá pessoal,
Que exemplo!

O texto em seguida nos remete a uma reflexão muito séria quanto ao nosso papel na sociedade, especialmente levando em conta o fato de sermos uma minoria absoluta no nosso querido Brasil de analfabetos.

O momento é mais do que oportuno para seguirmos o exemplo da jovem,
tomando uma posição firme e decisiva na campanha eleitoral que se inicia neste mês de julho de 2.006.
Não é estranho para ninguém que nosso querido Brasil mergulhou numa crise sem precedentes, afetando direta e mais profundamente, exatamente os irmãos sem um mínimo de educação e cultura e que, infelizmente, decidem efetivamente com seus votos o quadro político que estará (ou continuará) à frente de nossos destinos.


Brasil: Mais do que nunca precisamos entoar o nosso hino:

“Um filho seu não foge à luta”.


Veja a seguir:





“Certa noite, ao entrar em minha sala de aula, vi num mapa-mundi, o nosso Brasil chorar:

O que houve, meu Brasil brasileiro? _ perguntei-lhe!
E ele, espreguiçando-se em seu berço esplêndido, esparramado e verdejante sobre a América do Sul, respondeu chorando, com suas lágrimas amazônicas:
_ Estou sofrendo. Vejam o que estão fazendo comigo...

Antes, os meus bosques tinham mais flores e meus seios mais amores.
Meu povo era heróico e os seus brados retumbantes.
O sol da liberdade era mais fúlgido e brilhava no céu a todo instante.

Onde anda a liberdade, onde estão os braços fortes?Eu era a Pátria amada, idolatrada.Havia paz no futuro e glórias no passado.

Nenhum filho meu fugia à luta.
Eu era a terra adorada e dos filhos deste solo era a mãe gentil.
E era gigante pela própria natureza,que hoje devastam e queimam, sem nenhum homem de coragem que às margens plácidas de


algum riachinho, tenha a coragem de gritar mais alto para libertar-me desses novos tiranos que ousam roubar o verde lourode minha flâmula.
E não suportando as chorosas queixas do Brasil, saí de casa e fui para o jardim. Era noite e pude ver a imagem do Cruzeiro que resplandece no lábaro que o nosso país ostenta estrelado.
Pensei...conseguiremos salvar esse país sem braços fortes? Pensei mais...quem nos devolverá a grandeza que a Pátria nos traz? Voltei à sala mas encontrei o mapa silencioso e mudo, como uma criança dormindo em seu berço esplêndido.”

Um comentário:

Anônimo disse...

Gostei demais desse blog.

Muito bem diagramado e bem distribuido

Parabéns Roberta


Karina

Olha a Hora!!!

relojes web gratis